Mundo tem recorde diário de casos e de mortes por Covid

17
Um profissional de saúde realiza um teste finalizado em um local de testes de coronavírus fora dos Serviços Comunitários de Saúde Internacionais no Distrito Internacional de Chinatown durante o surto de doença por coronavírus (COVID-19) em Seattle, Washington, EUA, em 26 de março de 2020. REUTERS / Lindsey Wasson

O mundo registrou um novo recorde diário de casos e de mortes por Covid, segundo balanço da Universidade Johns Hopkins. Foram 666.955 novos infectados e 12.220 óbitos na quarta-feira (11).

Os recordes anteriores foram atingidos na semana passada: 641.152 casos na sexta-feira (6) e 11.031 mortes na terça-feira (3).

- Anúncio -

Atualmente, são mais de 52,2 milhões de casos 1,2 milhão de mortes causadas pelo novo coronavírus em todo o mundo desde o início da pandemia.

Nesta quinta-feira (12), Reino Unido e Itália registraram novos recordes de infectados e a França anunciou que uma em cada quatro mortes no país é causada pelo novo coronavírus.

Recordes de casos nos EUA

Pelo segundo dia seguido, os Estados Unidos registraram recorde de infectados. Foram 140.290 na terça (10) e mais 144.133 ontem.

Em meio à disparada de casos no país, o estado de Nova York anunciou novas restrições para restaurantes, bares e academias.

Os EUA são o mais afetado do mundo e concentra cerca de 20% de todos os casos e mortes do planeta. Na sequência vêm Índia e Brasil.

Mulher segura a sua filha enquanto profissional de saúde usa um swab para coletar saliva para um teste de Covid-19 em Srinagar, na Índia — Foto: Dar Yasin/AP

Mulher segura a sua filha enquanto profissional de saúde usa um swab para coletar saliva para um teste de Covid-19 em Srinagar, na Índia — Foto: Dar Yasin/AP

2ª onda na Europa

Na Europa, que enfrenta uma segunda onda de contágios e tem adotado diversas medidas de restrição, Reino Unido e Itália registraram novos recordes de infectados, a França vê os hospitais encherem e a Espanha passou dos 40 mil mortos.

Foram 33.470 novos casos no Reino Unido, novo recorde diário, e 595 mortes, o maior número desde 12 de maio. Com isso, o país superou a barreira dos 50 mil mortos.

Na Itália, que ontem se torou o décimo a ultrapassar a marca de um milhão de casos, foram 37.978 novos infectados e 636 óbitos nas últimas 24 horas.

Na França, o primeiro-ministro Jean Castex afirmou que uma a cada quatro mortes no país é causada pela Covid e um francês é internado a cada 30 segundos: “A pressão sobre o nosso sistema hospitalar aumentou drasticamente”.

Mapa com levantamento da Universidade Johns Hopkins no dia 12 de novembro de 2020 — Foto: Reprodução/Johns Hopkins

Mapa com levantamento da Universidade Johns Hopkins no dia 12 de novembro de 2020 — Foto: Reprodução/Johns Hopkins

Cinco das dez nações com mais infectados são europeias:

  1. Estados Unidos: 10,4 milhões
  2. Índia: 8,6 milhões
  3. Brasil: 5,7 milhões
  4. França: 1,9 milhão
  5. Rússia: 1,8 milhão
  6. Espanha: 1,4 milhão
  7. Argentina: 1,2 milhão
  8. Reino Unido: 1,2 milhão
  9. Colômbia: 1,1 milhão
  10. Itália: 1 milhão

O Reino Unido superou a marca de 50 mil mortes e Irã e Espanha passaram das 40 mil vítimas cada um. Os países com mais óbitos são:

  1. Estados Unidos: 241 mil
  2. Brasil: 163 mil
  3. Índia: 128 mil
  4. México: 96,4 mil
  5. Reino Unido: 50,4 mil
  6. Itália: 42,9 mil
  7. França: 42,6 mil
  8. Irã: 40,1 mil
  9. Espanha: 40,1 mil
  10. Peru: 35 mil

Fonte: G1

Por: Deivis W. Fernandes / RCNoticia