Governador comenta sobre impactos do programa Universidade Gratuita para a sociedade

20
Foto: Jessica Rosso Crepaldi/Portal Engeplus

Na noite desta segunda-feira, dia 18, o governador de Santa Catarina, Jorginho Mello, falou do programa estadual ‘Universidade Gratuita’ em coletiva de imprensa, pouco antes do evento que teve o tema na AM Master Hall, em Criciúma. Mello relembrou que buscava colocar a ideia em prática mesmo antes de se tornar governador, e comentou ainda sobre as medidas que tem o intuito de beneficiar setores como saúde, social, economia, entre outros.

“Eu não inventei agora [o programa], eu venho trabalhando nisso desde quando era deputado. Tive a oportunidade agora de enviar como governador à Assembleia e foi aprovado, oportunizando para as pessoas que querem estudar”, disse Mello.

- Anúncio -

Jorginho falou ainda sobre as medidas compensatórias. “As universidades nos ajudam no segundo grau, no ensino fundamental, e em outras contrapartidas de instalação de energia elétrica nas escolas estaduais. Dentro da saúde, os Centros de Saúde que as universidades tem como a Unesc, e todas as outras também tem. Enfim, tem contrapartida em cirurgias, atendimento odontológico e por aí a fora, que está embutido no compromisso que assumimos mutuamente”, disse o governador, afirmando que isso já está em andamento. Durante o evento desta segunda-feira serão apresentadas as formas de contrapartidas e como serão realizadas.

governador Jorginho Mello (Foto: Jessica Rosso Crepaldi/Portal Engeplus)

Ele citou ainda um exemplo dessas ações, que devem ocorrer por meio do programa. “Por exemplo, ano que vem não vai ter aluno que vai passar calor dentro de uma sala de aula, porque vai ser ajudado a instalar o ar-condicionado, que deputado deu em emenda a muito tempo, que estão em caixas que não podem instalar, porque o ‘fio é fino’, enfim, a universidade vai ajudar, vai fazer o projeto e a Celesc instala”, afirmou. O programa tem como meta a contribuição de mais de 45 mil profissionais, ajudando dentro das suas profissões.

Governador cumpriu agenda durante o dia

Durante o dia, a comitiva do governador cumpriu agenda no Parque Científico e Tecnológico (Iparque), da Unesc; na Associação Empresarial de Criciúma (Acic) e no Cedup Abílio Paulo.

Confira: Jorginho Mello visita a Acic e recebe pedidos por investimentos no Sul do Estado

Inscrições abertas para o programa Universidade Gratuita

As inscrições para o programa Universidade Gratuita seguem abertas até o dia 26 de março. Neste ano, a Unesc terá até quatro mil vagas disponíveis para aqueles que querem realizar o sonho do ensino superior.

Para participar, o acadêmico precisa estar matriculado em um dos mais de 40 cursos de graduação presenciais. Na página unesc.net/graduacao é possível acessar todas as opções presenciais e os diferenciais de cada um. Já no www.unesc.net/universidade-gratuita estão disponíveis todas as informações sobre o programa.

Além disso, os interessados podem procurar a Central de Atendimento ao Acadêmico (Centac), que atende de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h. Outras informações sobre ingresso podem ser obtidas pelo contato (48) 3431-2545, além do Whatsapp (48) 9 9644-0170. Para iniciar o sonho de cursar uma graduação na Unesc não é necessário realizar vestibular, com exceção do curso de Medicina. Basta ter histórico escolar em mãos, documentos de identidade e o desejo de dar o primeiro passo.

Os estudantes devem realizar o cadastro no sistema por meio do link clicando aqui e entregar os documentos comprobatórios até as 19h, do dia 26 de março.

Foto: Jessica Rosso Crepaldi/Portal Engeplus

Fonte: Engeplus