Gasolina fecha ano mais cara do que no início de 2023 em SC, em oposição a outros combustíveis

11
Foto: Alan Chaves/G1

A gasolina comum fechou 2023 mais cara do que na primeira semana daquele ano em Santa Catarina, de acordo com a Agência Nacional do Petróleo (ANP). O preço médio entre 24 e 30 de dezembro era de R$ 5,75 o litro. Já na primeira semana de janeiro de 2023, era de R$ 5,24.

Os valores destoam dos demais combustíveis, como como o diesel, o etanol, o GNV e o gás de cozinha, que ficaram mais baratos depois de 12 meses, conforme a própria ANP. A pesquisa do órgão foi divulgada na terça-feira (2).

- Anúncio -

Na última semana de 2023, a gasolina comum em Santa Catarina variou de R$ 4,97, em Criciúma, no Sul do estado, a R$ 6,23, em Balneário Camboriú, no Litoral Norte. O menor preço médio entre os grandes municípios catarinenses foi o de Tubarão, no Sul, onde o combustível foi vendido a R$ 5,49.

O movimento de preços em Santa Catarina acompanhou a variação do restante do país. A gasolina comum no Brasil subiu, na média, de R$ 5,12 a R$ 5,58, uma alta de quase 9% (R$ 0,46), ao longo de 2023, também enquanto todos os outros combustíveis ficaram mais baratos.

Diversos fatores ajudam a explicar a variação nas bombas. Entre eles, a reoneração dos combustíveis, a cotação internacional do petróleo, o câmbio e os reajustes de preços pela Petrobras às refinarias.

Etanol baixou de preço

Na contramão da gasolina, o etanol baixou de preço durante 2023. O litro foi vendido, na média, a R$ 4,18 na última semana de 2023. No começo do ano, ele custava R$ 4,57.

A ANP entende que o etanol é mais competitivo aos motoristas quando ele custa até 70% do valor da gasolina. Em Lages, na Serra, onde essa relação é a mais favorável ao combustível extraído da cana de açúcar, o litro é vendido, em média, a R$ 3,98, enquanto o da gasolina está em R$ 5,89.

Preço da gasolina sobe 12,5% nos postos em 2023

O etanol fechou 2023, inclusive, compensando mais do que a gasolina em ao menos cinco das 21 cidades com valores pesquisados pela ANP, se levado em conta o preço médio de cada um: BlumenauItajaí, Lages, Palhoça e São José. Em Joinville, já é indiferente optar por um ou outro combustível.

GNV e gás de cozinha também ficam mais baratos

Entre janeiro e dezembro de 2023, o metro cúbico do gás natural veicular (GNV) em Santa Catarina teve a maior queda percentual de preço entre os combustíveis, indo de R$ 5,74 para R$ 4,96, ou seja, um valor 13,5% menor (R$ 0,78) ao final do ano em relação ao começo de 2023.

Já o botijão de 13 quilos do gás liquefeito de petróleo (GLP), o gás de cozinha, passou para R$ 112,86. Um ano atrás, segundo a ANP, estava em R$ 121,25. A redução foi de R$ 8,39 (quase 7%).

Foto: Alan Chaves/G1

Fonte: G1/SC