Home Destaque Bebê recém-nascido é encontrado morto dentro de carro em SC

Bebê recém-nascido é encontrado morto dentro de carro em SC

Um bebê recém-nascido foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (9), em Chapecó. Ele morreu após o parto, que ocorreu na própria casa da mãe. O corpo foi encontrado dentro de um carro, quando a mulher procurava atendimento médico no Hospital Regional do Oeste.

Segundo informações da Polícia Militar, uma mulher de 22 anos procurou o posto de saúde do bairro Bela Vista na manhã desta segunda para informar que o filho teria nascido de forma prematura e estaria morto na casa dela.

- Advertisement -

Segundo o pai da criança, ela teria relatado dores ainda na noite de domingo e entrado em trabalho de parto durante a madrugada. O filho nasceu com 38 semanas, mas morreu no local.

Após procurar o posto de saúde, a mulher teria sido orientada a procurar atendimento no Hospital Regional do Oeste, e a polícia foi acionada. A mulher foi até o hospital e procurou por atendimento ao lado do pai da criança. Nesse tempo, o corpo foi deixado dentro do carro, onde a polícia o encontrou quando chegou ao local da ocorrência. A mulher foi internada e permanecia no hospital até o fim da manhã desta segunda.

Segundo informações da unidade de saúde, a mulher procurou atendimento de rotina no local na quinta-feira e um exame constatou a gravidez já no último trimestre. Na ocasião, a paciente disse desconhecer que estava grávida. Na sexta, foram coletados exames para exames laboratoriais.

Na manhã desta segunda, ela procurou a unidade de saúde, relatou sangramento, mas não disse de imediato que havia perdido o bebê. Após o atendimento, a enfermeira constatou que ela havia perdido cinco quilos entre sexta-feira e segunda. Sò então ela contou que o bebê havia nascido na noite anterior, que chegou a chorar e fazer movimentos, mas que morreu em seguida e que o corpo estava na casa dela.

Como a mulher estava pálida e com perda de sangue, foi orientada a procurar o hospital, e a polícia foi acionada. A equipe da unidade de saúde chegou a ir à residência da mulher, mas não havia ninguém em casa, segundo as informações repassadas pela prefeitura de Chapecó.

O Instituto Geral de Perícias (IGP) e a Polícia Civil foram acionados e ainda apuram a causa da morte da criança.

Fonte: Sul In Foco

Por: Deivis W. Fernandes / RCNoticia

- Anúncio -