Amurel volta ao nível gravíssimo de risco para coronavírus

11

Após ficar sete semanas consecutivas em nível grave (laranja) no mapa de risco para covid-19, a região de Laguna voltou a ser classificada com o nível gravíssimo (vermelho) para coronavírus. A atualização revela um agravamento da pandemia na Amurel. Nos últimos dias, a ocupação de UTIs para covid-19 voltou a preocupar em Tubarão e Laguna.

Em Tubarão, dos dez leitos de UTI SUS do Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC), oito estavam ocupados até a manhã desta quarta-feira (18). Ainda havia dois dos cinco leitos pediátricos ocupados e todos os quatro leitos de UTI covid particulares/convênio com pacientes. De acordo com o hospital, em caso de lotação máxima, os pacientes novos que chegarem precisarão ser encaminhados para outras unidades hospitalares com vagas disponíveis.

- Anúncio -

Ainda em Tubarão, os leitos disponíveis para pacientes com atendimento particular ou convênio, tanto HNSC – com quatro vagas -, quanto Socimed, com seis leitos, estão com ocupação máxima.

Já em Laguna, a ocupação das UTIs do Hospital de Caridade Senhor Bom Jesus dos Passos está em 100%. Além dos dez leitos da unidade, a direção do hospital ainda acrescentou que a enfermaria também já está chegando à sua lotação máxima de pacientes com covid-19 ou com suspeita da doença.

Em Imbituba, o Hospital São Camilo ainda é o com menos leitos de UTI ocupados. Dos dez disponíveis, até ontem, quatro estavam com pacientes internados.

242 mortes na região

A Amurel soma 242 mortes provocadas por covid-19: Tubarão (106), Laguna (22), Braço do Norte (21), Capivari de Baixo (17), Imbituba (16), Gravatal (9), Jaguaruna (9), Imaruí (7), Armazém (6), São Ludgero (5), Pescaria Brava (5), Pedras Grandes (5), Sangão (4), São Martinho (3), Rio Fortuna (3), Grão-Pará (2), Santa Rosa de Lima (1) e Treze de Maio (1).

Fonte: SulAgora

Por: Deivis W. Fernandes / RCNoticia