Adolescente mascarado invade escola e causa pânico em Itajaí

3

Um adolescente de 16 anos invadiu a Escola Básica Maria Dutra Gomes, no bairro Dom Bosco, em Itajaí, no final da manhã desta quinta-feira (31). Ele estava com o rosto coberto por uma máscara de caveira e anunciou estar com uma bomba. A ocorrência foi registrada por volta do meio-dia.

O garoto, que é ex-aluno do colégio, pulou o muro de trás da instituição e jogou rojões no pátio. Assustados, os alunos e professores saíram correndo e um tumulto se formou.

- Anúncio -

Os estudantes mais velhos conseguiram pular o muro e correr, enquanto crianças ficaram acuadas. Pessoas chegaram a se esconder em salas de aula. Uma funcionária da escola acionou a PM em seguida.

A unidade de ensino atende alunos do 1º ao 9º ano.

Versões sobre motivação

Até o início desta tarde, havia duas versões sobre o que motivou a ação. A primeira, segundo a Polícia Militar informou à reportagem do ND, é de que seria uma “pegadinha de Halloween“.

A segunda versão, conforme apuração da RICTV Itajaí, é de que o garoto estaria inconformado com o fim do namoro com uma aluna da escola. Ele teria, então, invadido o local para causar tumulto.

Contido por pai de aluno

Ainda conforme a PM, logo após o tumulto inicial, populares entraram na escola, entre eles pais de alunos. Enquanto isso, uma funcionária da escola acionou a PM.

O garoto foi contido por um pai e sofreu ferimentos, sem gravidade. O Corpo de Bombeiros foi acionado e atendeu o adolescente. Ninguém mais ficou ferido.

A escola foi fechada por alguns minutos. No entanto, de acordo com a Secretaria de Educação do município, será reaberta normalmente nesta tarde. A PM ainda não confirmou se o garoto carregava uma bomba.

Por volta das 13h30, a PM informou que o adolescente foi apreendido e encaminhado a um hospital sob escolta – o nome da unidade de saúde não foi divulgado para evitar tumultos.

Fonte: SulInFoco

Por: Deivis W. Fernandes / RCNoticia